contador de visitas

free web counter

quinta-feira, março 30, 2006

MADUREIRA,campeão da taça RIO

..
COMO JÁ ONTEM HAVIÁMOS PUBLICADO
O MADUREIRA E O AMERICANO DEFRON-
TARAM-SE NUMA FINAL INÉDITA, TENDO
O MADUREIRA,
SE SAGRADO CAMPEÃO PELA PRIMEIRA
VEZ.


Ficha Técnica: Americano 0 x 1 Madureira


MAICOM DO MADUREIRA FESTEJA O TÍTULO

Rio de Janeiro (RJ) - Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 29 de março de 2006, quarta-feira
Horário: 21h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Marcelo Pacheco (RJ)

Assistentes: Elson Passos Filho (RJ) e Sérgio Teixeira (RJ)
Cartão Amarelo: Caetano, Butti e Marquinhos
Gol: Maicon aos cinco minutos do primeiro tempo
AMERICANO: Erivélton, Kléber Goiano, Carlão (Bruno Rangel) e Róbson; Júlio César, Vinícius(Caetano), Marcelo Uberaba, Flavinho e Ernani(Pirão); Butti e Faioli
Técnico: Válter Ferreira

MADUREIRA: Renan, Marcos Vinícius, Odvan, Paulo César e Paulo Roberto; Roberto Lopes, Djair(Paulinho), Maicon(Tiago Costa) e Marquinhos; Fábio Júnior(Boiadeiro) e André Lima
Técnico: Alfredo Sampaio
Tricolor conquista a Taça Rio com vitória por 1 a 0 sobre o Americano e decide o Carioca com o Botafogo

No mesmo dia em que o primeiro brasileiro foi ao espaço, o Madureira conquistou o inédito título de campeão da Taça Rio. Com muita garra, determinação e jogando com inteligência nos contra-ataques, o Madureira fez o Americano sambar e venceu por 1 a 0. Com apoio das baterias da Portela e Império Serrano na arquibancada do Maracanã, o Tricolor Suburbano teve em Maicon o herói do jogo, autor do gol da vitória com um belo chute de fora da área.
A festa da torcida de Madureira começou aos 5 minutos, quando Maicon recebeu na altura da grande área e soltou a bomba, a bola bateu na trave direita de Erivélton e entrou. Golaço! Madureira 1 a 0. Quatro minutos depois, Paulo Roberto centrou da esquerda na medida para Maicon que testou e a bola explodiu na trave direita de Erivélton.

O Madureira continou melhor, aproveitando os espaços que o Americano oferecia e contra-atacando com inteligência e muita velocidade. Não fosse o grande número de oportunidades desperdiçadas, o jogo poderia ter sido definido ainda no primeiro tempo. Aos 27, Andre Lima perdeu após uma sobra na área. Sete minutos depois, Marquinhos, com o gol aberto, chutou por cima do travessão.

O Americano voltou um pouco mais organizado no segundo tempo, mas a primeira boa chance também foi do Madureira, com Fabio Júnior, aos 4 minutos. Aos 16, Ernani ganhou na raça e foi ao fundo e cruzou rasteiro, a bola passou pelo goleiro e também por Butti, desperdiçando a chance de empate.

Aos 20, Fábio Júnior recebeu no meio de campo e disparou até a área, quando se preparava para o chute foi travado. Aos 24, Marcos Vinícius ficou cara a cara de Erivélton, tentou encobri-lo e o goleiro espalmou, no rebote o jogador não dominou e perdeu a oportunidade de ampliar.

O ritmo do jogo caiu depois disso e o Madureira soube segurar o placar até o apito final, quando começou uma festa que certamente terá muito samba e promete varar a madrugada.

O TIME DO MADUREIRA COMEMORA A GRANDE VITÓRIA

Um comentário:

edwarner6578159132 disse...

Do you want free porn? Contact my AIM SN 'abunnyinpink' just say 'give me some pics now!'.

No age verification required, totally free! Just send an instant message to AIM screen name "abunnyinpink".

Any message you send is fine!

AIM abuse can be reported here.